Linked Events

  • Lamborghini Huracán ST - Prova 3: July 05, 2017

Author Topic: Lamborghini Huracán SuperTrofeo: Prova 3 @Misano  (Read 1692 times)

0 Members and 1 Guest are viewing this topic.

Offline Carlos Miranda

  • Diretor do CAI | Staff
  • Experiente
  • ****
  • Posts: 573
  • Liked: 326
    • View Profile
  • Simulation Hardware: I5 4670; MSI Z87 G45; 16GB DDR3; NVIDIA GTX 1050 Ti; T300+T3PA+TH8A
Re: Lamborghini Huracán SuperTrofeo: Prova 3 @Misano
« Reply #15 on: July 06, 2017, 13: 06 »
Segue mais um report.

Treinos e qualificação sem conseguir dar 2 voltas sem erros, pelo que estava a prever duas corridas difíceis.

A primeira corrida correu melhor do que esperava. Arrancando de 11º apostei mais uma vez em tentar ser consistente, consegui aproveitar as batalhas e erros à minha frente para na 7ª volta estar em 7º lugar. Nesse momento comecei a ganhar mais confiança no carro e consegui chegar a um ritmo decente, sempre sem erros. Continuei certinho até apanhar o Fernando Silva, que persegui durante muito tempo (ainda tentei ultrapassar mas não tive sucesso). Foi uma boa luta, teve 2 pequenos toques pelo meio, encostos ao de leve, creio que sem consequência para ambos. E assim terminei em 7º, colado ao Fernando.

A 2ª corrida já foi um filme bem diferente. Parti de 4º lugar mas perdi-o antes da T1, com um arranque supersónico do Domingos Vaz. Sigo em 5º a tentar resistir o máximo ao Jose Almeida, desta vez já o consegui aguentar um pouco mais tempo no retrovisor, mas não há milagres e ao fim de 2 ou 3 voltas ele ultrapassa-me. Com a confusão dos da frente, à entrada da meta, passo para 2º, ainda muito perto do José. Logo a seguir à meta ele sai muito largo e acho que podia ter tentado a ultrapassagem, mas preferi jogar pelo seguro (até porque depois ia ter a pressão dele, o que não ia ajudar). Consegui segurar o 2º lugar umas quantas voltas, mas cedi à pressão quando o Carlos Santos se aproximou e acabei por descer para 3º. O objetivo era segurar o lugar do pódio até ao fim, mas cometo erro a 3 voltas do fim, saio largo na ultima das direitas rápidas (tinha o Rui Martins a pressionar) e o bicho não perdoou, peão e toque no muro… reentro em 7º para o resto que faltava, já sem hipótese de recuperar algum lugar.

Parabéns ao José e ao Carlos pelas vitorias e palmas para todos os participantes por mais umas corridas cheias de lutas das boas.

Venha a Polónia!